quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

Visões presentes. Perspectivas futuras?

Poesia extraída do capítulo III da obra "Reflexos de muitos momentos" que pode ser lidas no endereço:
http://www.issuu.com/kotovski/docs/reflexos_de_muitos_momentos


Visões presentes.
Perspectivas futuras?

Vejo o mundo rapidamente mudar,
Chegando ao ponto de ficar difícil imaginar.
No que ele vai se transformar.

Vejo ele ficar nocivo para a humanidade,
Impondo uma contraditória realidade,
Desprovida de piedade.

O homem parece querer assim,
Caminhando rapidamente para o fim,
Para a sua própria extinção.
Já que não controla sua própria ação.

Que perspectiva de futuro assustador,
Que parece só reservar o terror,
Na forma da fome, doença e violência,

Causado pela poluição, devastação e a má convivência.

Nenhum comentário:

Postar um comentário